quarta-feira, 22 de junho de 2016

Perdida

A burocracia do convênio não me deixou marcar a nutricionista ainda e eu estou começando a ficar maluca.
Não consigo não pensar nas calorias de tudo o que eu como ainda. Se as calorias diárias ficam a baixo de 1000kcal eu lembro da amiga da minha mãe falando que eu não posso querer perder mais peso e que é para eu comer normal (só que eu não sei mais o que é comer normal!). Se eu passo das 1000kcal já penso no meu peso e em todo o meu esforço de meses sendo jogado no lixo. O pensamento de que eu não sei que rumo tomar quanto a minha alimentação ou qualquer outra coisa da minha vida me fez ir dormir chorando ontem.

Meus dias estão se resumindo em: acordar cedo, caminhar pelo condomínio, subir até o meu andar (7º) de escada e tentar não passar das 1000kcal durante o dia, mas chegar perto. Ainda não consegui comer coisas gordurosas, com muito sódio ou muito calóricas. Estou mirando salada, frutas, lanches naturais etc. Fui ver os preços da academia hoje.

Segunda-feira já voltei para os 65kg. Nesse mesmo dia tinha um aniversário com os amigos. Por ter engordado tanto em tão pouco tempo eu cheguei a pensar em inventar uma desculpa para não ir, ai me lembrei que prometi para mim mesma que a Ana não iria me afastar dos meus amigos. Não sei se é meu emocional estar instável no momento ou se é porque me sinto bem perto deles, mas comi bastante naquela noite, mas só salgado assado, e também dois pedaços de bolo. No dia seguinte quis fazer um almoço, escondidinho de frango. Comi arroz depois de sei lá quanto tempo. Repeti o prato, mesmo que eu já tivesse satisfeita. Sim, uma compulsão, estou tendo isso de vez em quando. Inocentemente pensei por um momento que estava "curada" da Ana e desse excesso de preocupação com a comida. Acontece que o almoço foi minha ultima refeição do dia, depois que eu fiz as contagens das calorias nem com fome eu fiquei.

Ainda estou nos 65kg, depois da comilança do aniversário e do almoço do dia seguinte eu pensei que ia estar mais. Acho que estacionou ai, estou torcendo para isso, se eu passar disso eu vou diminuir as calorias diárias mais uma vez. Preciso urgentemente conversar com uma nutricionista, talvez com uma psicologa também, penso em procurar por uma logo.
Reparei que minha barriga está maior, nem sei se ainda entro no meu vestido de formatura, não tive coragem de provar novamente. Parece que os 3kg que eu recuperei foram direto para a barriga.
Apesar de tudo minha autoestima quanto a minha aparência continua boa, não sei até quando.

Tenho festa de aniversário da minha tia hoje em um restaurante, já estou pensando em pedir apenas uma salada com frango grelhado, mesmo que isso fique a baixo das 1000kcal. Quero que o bolo seja de algo que eu não goste para eu poder recusar na frente da família e ninguém achar isso estranho, porque eu não estou querendo comer bolo hoje, nem nada que vai me fazer passar da minha zona de conforto de 1000kcal, no momento estou me sentindo encurralada e querendo chorar de novo.

E é assim que eu estou desde o meu ultimo post aqui, nessa bagunça da pensamentos, sem um rumo e mais gorda, no limite do meu IMC normal.

sábado, 18 de junho de 2016

Não é um adeus

Muita coisa aconteceu desde o meu último post aqui, vou contar só o importante.
Estou de férias! Já estou em casa, no interior, e ficarei por aqui nesses dois meses de férias. Me pesei. Estou com 62kg. No começo disso tudo, em janeiro ainda, eu pretendia chegar até aqui com 60kg, 22kg a menos do que eu estava. Fiquei um pouquinho triste por não ter conseguido, mas depois vi isso pelo lado bom, cheguei bem perto! Depois de 5 meses e meio de muito controle e determinação eu consegui eliminar 20kg! Estou mais bonita e mais confiante agora, sou quase que outra pessoa. Tive fracassos e fracassei com a minha meta, mas tive muitas vitórias também! Posso contar nos dedos quantas vezes comi doce esse ano (contando com suco com açúcar), e olha que oportunidade não faltou, todos os dias tinha alguma coisa tentadora passando por mim e eu consegui ser mais forte.

Já tinha falado para vocês e para a minha mãe que depois que minhas aulas terminassem eu ia pegar mais leve, não radicalizar tanto. É isso que eu comecei a fazer, quinta a noite já, quando comi uma empanada de frango e meia integral de camarão ao creme, muito em relação aos meus últimos dias, mas era algo que eu estava com vontade, então eu comi.
Eu ainda estava com medo de como seria ficar em casa com a minha mãe e ela me vigiando, e com medo de não conseguir manter o peso e engordar. Sexta de manhã, no meu primeiro dia de férias, tive consulta com o clínico geral logo cedo, para me dar a guia para a nutricionista. Queria descansar, mas fui mesmo assim, quero passar na nutricionista o mais rápido o possível.
O médico só olhou para a minha cara e me deu a guia. Porém, eu tive uma "prévia" da minha consulta logo depois, quando fui almoçar com a minha mãe e a amiga nutricionista dela. Minha mãe comentou sobre como eu venho comendo ultimamente e enquanto a amiga dela me olhava com cara de "vish, olha a merda que você fez" eu só conseguia pensar "por favor, por favor, por favor, não surgira que eu estou com transtorno alimentar, não na frente da minha mãe". Estava quase tremendo de nervoso. Felizmente ela não falou nada de transtorno alimentar, mas eu recebi um sermão. Ela me disse que não era saudável emagrecer mais de 1kg a cada dois meses, e que eu não podia nem pensar em querer perder mais peso agora, porque, para o meu corpo, eu estou ficando doente e ele vai querer recuperar o que eu perdi para me fazer ficar bem. Em outras palavras, meu corpo está tentando me fazer engordar por ter perdido tanto peso em pouco tempo. Ela inclusive disse que eu ia recuperar uns quilos (algo que eu já estava esperando mesmo), mas que não era para eu me desesperar.
Isso era exatamente o que eu estava precisando ouvir para "acordar". Estou tendo que diminuir cada vez mais as calorias diárias para continuar a emagrecer, e já estava em um ponto que não tinha mais o que diminuir, a não ser que eu parasse de comer de vez. Garanti que já tinha dado um basta naquilo, e minha mãe me agradeceu, falando que era uma coisa a menos para ela se preocupar.
Novo plano daqui para frente: Não passar fome, tentar comer várias vezes durante o dia, mas buscar por coisas saudáveis e pouco calórias, me permitindo algo fora disso de vez em quando. Por enquanto estou bem receosa, preparada para chegar aos 65kg de novo e ao mesmo tempo com medo disso, então estou tentando ficar em menos de 1000 kcal durante o dia, mais do que isso ainda é demais para mim. Também estou saindo para caminhar de manhã todos os dias pelo meu condomínio, quero no mínimo 100kcal queimadas em caminhada por dia. Continuarei bebendo somente água, quem sabe um suco natural BEM de vez em quando.
Saindo da padaria eu já comprei uma mini torta de morango. Não sabem o quanto eu AMO isso e o quanto eu estive com vontade de comer durante todo esse tempo. E não me arrependo nem um pouco de ter comido ela ontem, foi uma das melhores tortas de morango que eu já comi na minha vida! Ainda me sinto envergonhada por estar sujeita e ganhar peso em troca de minutos de um gostinho de alguma coisa na minha boca, isso para mim é coisa de gente gorda e que vai me fazer voltar a ser obesa. Tenho que trabalhar nisso também, mas por enquanto é o que me mantem longe de cair de cara nos doces, a vergonha que eu sentiria de mim mesma por isso.

Experimentei meu vestido de formatura do ensino médio. Ele finalmente coube! Quase que não fecha. Já fiquei triste por saber que vou engordar um pouquinho e ele vai voltar a não entrar. Minha calça 42 está folgada também, acho que não o suficiente para eu já estar no 40, talvez no meio do caminho. Se ela ficar apertada ai sim eu estarei confusa a respeito do que farei, não volto mais para o 44! É bem provável que eu volte para "quase nada de kcal" de novo se isso acontecer. Enquanto couber na minha calça 42 estarei bem.

Vestido de formatura, servindo de novo 3 anos e meio depois.

Estou conformada em voltar para os 65kg com essa nova fase de "normal saudável" que eu estou entrando, ficarei preocupada se eu passar disso, ai voltarei aos meus antigos hábitos sem nem pensar duas vezes. Sei que o que eu fiz não foi saudável, mas faria tudo de novo. Se eu tivesse seguido o que a amiga da minha mãe disse que  era saudável, eu teria demorado quase 2 anos para perder o que eu perdi em menos de seis meses.
Não desisti dos 55kg, vou começar academia ainda nessas minhas férias, e, com a academia e com a minha alimentação saudável, uma hora eu chego lá. Já estou bem comigo mesma o suficiente, não estou com tanta pressa, não me importo de demorar 1 ano agora para alcançar o corpo que eu quero para mim.
Com isso, eu trago a notícia de que não postarei mais com tanta frequência. Continuarei dando notícias e continuarei visitando os blogs de vocês, porém apenas algumas vezes a cada mês e não mais diariamente. Talvez esse nem seja mais um blog pró-ana daqui para frente, apesar do nome. Ninguém sabe sobre o futuro, mas eu espero muito conseguir ser saudável e manter o peso para depois voltar a perder e alcançar meu objetivo final. Caso eu não consiga, bom, ai eu me encontrarei com a Ana mais uma vez, porque foi ela que me trouxe até aqui.
Agradeço cada um dos comentários, recebo um carinho enorme de vocês e estou sempre tentando retribuir a altura. Não sabem o quanto me ajudaram!
Meu próximo post provavelmente vai ser contando como foi na nutricionista. Encerro esse com a foto que eu já comentei antes, eu durante a oitava série. É uma foto que tem uma história, mas teria que escrever outro textão para contar, então melhor não haha
Beijinhos :*

Obesa, realmente não sei com quantos quilos.

quarta-feira, 15 de junho de 2016

Ainda oscilando

Me perdoem pelo sumiço, inclusive nos posts de vocês. Estou na semana de provas finais e correndo atrás de um monte de coisa, não vim por falta de tempo e exaustão mesmo.

Continuo na mesma oscilação de uma hora achar que estou bem e outra voltando a comer o menos o possível.

Segunda eu comi meu café da manhã de sempre, 1/4 de maçã. Logo de manhã mandei uma mensagem pedindo para a minha mãe marcar nutricionista para mim. Tive que ir ao shopping depois da prova, por conta de uma surpresa de aniversário que estou preparando para a minha irmã mais nova. Enquanto ficava "comer ou não comer, eis a questão", li o comentário da Julinha do meu último post. Coloquei na cabeça que, já que logo vou na nutricionista, posso me preocupar menos até lá. Escolhi algo pelo gosto, coisa que não fazia há tempos. Só que não me descuidei totalmente. Comi um risoto de camarão com camarão grelhado (se fosse só pelo meu gosto teria no mínimo um camarão empanado haha). Mandei uma foto do meu prato para a minha mãe, para ela ver que eu estava comendo. Comi como se não visse comida a dias, e na minha cabeça eu sabia que não seria tão logo que eu teria outra refeição "de verdade". Limpei o prato. Só que fui dormir cedo e usei isso como desculpa para não jantar. 913 kcal.

Terça eu de novo comi meu 1/4 de manhã antes de sair de casa. Sei lá porque eu fiz a burrice de aceitar almoçar com a minha irmã no self-service. Fui um pouquinho mais cedo do que ela, para ela não ver meu prato quando eu comecei a comer e pensar que já tinha comido bastante. Peguei frango grelhado, feijão, cenoura, tomate e alface. Quase todo o frango e o feijão ficaram no prato, praticamente só comi a salada. Comprei uma salada de fruta de tarde e comi 1/3 dela como janta. De novo estava caindo de sono por ter ido na 25 de março à tarde (por causa de uma surpresa para a outra irmã) e dormi cedo, assim não precisei comer mais nada. 147 kcal.

Hoje dividi o resto da salada de frutas em duas refeições, café da manhã e almoço. Jantei uma mini esfirra de queijo. 120 kcal.

Andei bastante nesses três dias, segunda e terça eu até ultrapassei (pela primeira vez) a meta no MyFitnessPal. Segunda eu gastei quase 400 kcal só de andar durante o dia, por isso meu almoço daquele dia não está tão pesado na minha consciência.

Sexta-feira vou passar por um clínico geral e tenho que pedir para ele a guia para a nutricionista. Meu pensamento atual é: comer o menos o possível e aproveitar esse tempo antes de ir para a nutricionista para perder peso.

Amanhã é meu último dia de aula, apesar dos meus planos, se minhas amigas quiserem comer algo depois da faculdade eu irei com elas. Voltarei para a minha casa, o que significa que minha mãe estará por perto. Os próximos dias serão difíceis. Acho que não cumpri minha meta e que não estou nos 60kg ainda. Sexta saberei com certeza.

Hoje uma amiga minha me disse aleatoriamente, do nada mesmo, que eu sou bonita. Isso nunca aconteceria antes dos kgs perdidos. Minha prima me mandou umas fotos de quando a gente estava na oitava série, e eu era enorme! Vou editar e coloco aqui no próximo post.

domingo, 12 de junho de 2016

Oscilações

Antes de mais nada, quero reservar essa partinha do post para dar parabéns atrasado para a Nath. Desculpa não entrar ontem, mas está valendo ainda, é com muito carinho :3 haha
Foi ótimo te conhecer e participar dessa jornada com você, é uma das minhas melhores amigas aqui. Te desejo tudo de melhor e todos os seus sonhos realizados <3

Sexta
Café da manhã e almoço, 1/4 de maçã em cada um.
Jantei no shopping com a minha mãe, filé de frango, feijão e salada.
Me pesei quando cheguei em casa, 61kg. Fiquei feliz e mais tranquila em relação ao meu peso. Comi três pedaços mínimos de colomba pascal que comprei depois que sai da faculdade. Ia guardar ela só para quando chegasse aos 60kg, mas minha mãe quis abrir, ai comi um pouquinho para matar a vontade. Espero que ela tenha acabado com aquilo até eu voltar semana que vem.
290 kcal.

Sábado
Acordei e me pesei, ainda 61kg.
Ainda tranquila com o meu peso, combinei com a minha mãe de jantar em um rodízio de caldo. Como ia relaxar na janta, almocei um filé de frango com tomate cereja, não comi mais nada durante todo o dia.
Na janta comi três pratos de creme de mandioquinha, com torradas e pãozinho, quase como se não visse comida a dias.
1.489 kcal.

Domingo
Dia do arrependimento. Acordei, me pesei, 62kg.
Só eu consigo engordar 1kg de um dia para outro comendo sopa. Talvez eu devesse ter ficado só no caldo, sem as torradinhas como acompanhamento. Mas não sou de ficar lamentando o passado. Hora de focar de novo.
Fui pegar uma maçã para ser o meu almoço. Fui pega, minhas duas irmãs e minha mãe ficaram me dando um sermão. Minha mãe falou que eu estava doida e doente e que ia falar com o meu pai (como se ele pudesse interferir em alguma coisa na minha vida depois de 3 meses sem me ver). Tentei discutir e tive vontade de chorar, porque não quero recuperar mais do peso que eu já perdi. Mas também não quero ser "a filha problemática". Deixei a maçã de lado, peguei um pedaço de kibe de forno.
Fui jantar na padaria com a minha irmã, comi um pão francês com gergelim e um pouquinho de carne louca. Acho que serei mais vigiada que o normal agora. Fui burra e fiz besteira.
Tão perto da minha meta!
328 kcal.

Sexta experimentando roupa no shopping eu me assustei com o que vi no espelho. Meus braços estão finos em cima, mas com pelanca em baixo. Está horrível. Porém eu vi bem que eu já estou chegando no limite do que poderia fazer para o meu corpo controlando a comida. Agora preciso de exercícios. Fiz vários testes onlines e todos dizem que meu peso ideal é 55kg. Depois dos 60kg vou focar em perder os últimos 5kg com exercícios.
A parte boa do final de semana é que nessa mesma ida ao shopping eu experimentei uma calça de moletom M e ela ficou grande. Infelizmente não tinha uma P para eu poder provar. Nunca me imaginei usando roupa P. Também passei na frente de uma loja e achei um vestido lindo. Só que era tamanho único, só tinha o da manequim, e a roupa que estava na manequim serviu em mim! Na cintura ficou ótimo, estou com uma cintura pequena, mas depois fica enorme no quadril. Odeio meu quadril gigante. Mas comprei o vestido.

Essa é a minha última semana de aula, volto para casa na quinta e fico lá por dois meses agora. Estou com medo de não conseguir nem manter o peso com a minha mãe por perto. Fiz a besteira de falar para ela que já estava parando com isso, agora ela vai tentar me encher de todas as coisas que engordam. Acho que a melhor saída vai ser ver a nutricionista mesmo para perguntar como vou manter o meu peso, e ai eu como só o que ela me passar e minha mãe não vai poder falar nada, porque vai ser recomendação da nutricionista.
Só de pensar em todo o meu esforço e foco indo por água a baixo por causa da minha mãe me da vontade de chorar.

Espero que o final de semana de vocês tenha sido melhor que o meu.

quinta-feira, 9 de junho de 2016

62kg! + Muitas fotos

Passei frio hoje para ficar com uma roupa "de pesar" e não dar resultado diferente das outras vezes, mas valeu a pena. A balança marcou 62,6kg, o que, descriminando o moletom gigante, a calça jeans, e o tênis, significa que estou com 62kg! Fiquei muito feliz! Se eu conseguir continuar assim semana que vem, com a minha irmã aqui me vigiando, vou conseguir entrar de férias com os 60kg que eu estava querendo desde o início <3
Amanhã posso ir com uns 3kg de roupa a vontade, amém hsuahsuahs

Não sei se tem muita diferença da foto que eu postei aqui dos 65kg, mas vocês cobraram e eu acabei tirando algumas hoje de tarde, com a roupa de ficar em casa mesmo, e com o cesto de roupas no canto hsuahsuahsuah ignorem tudo isso.




Uma sessão de Lety para vocês haha

E, sim, eu tenho estrias. Já me incomodou, mas hoje não me importo nem um pouco com elas, estou me sentindo bonita, então dane-se umas marquinhas! Aliás, tirei uma foto de rosto hoje em que eu achei que fiquei bonita (coisa raríssima de acontecer, não gosto de tirar fotos e quando me animo eu nunca gosto). Claro que tive que postar nas redes sociais, e pela primeira vez senti que os elogios eram sinceros, e não somente amigos e famílias sendo educados tentando me animar.

Estava pesquisando por thinspo no instagram e vi essa foto, não sei de quem é, mas, para mim, esse é o corpo perfeito. Sinceramente acho que nunca vou chegar a tanto, mas é o que eu queria hsauhsuahs


Chegou encomenda de roupa nova do AliExpress para mim hoje! Uma camisa branca com um laço que parece uma gravatinha. Estou ansiosa para provar e ver como fica, se vai ficar boa ou larga/apertada. Comprei usando como referência a medida do busto, para ter certeza que iria fechar. Só que o frio não me deu coragem para provar ainda.


Nada de novo no cardápio hoje. Comi maçã e iogurte zero. 79kcal. Só que fui para a faculdade hoje, então teve o gasto de sempre de 150kcal perdidas em caminhada. Foi a primeira das minhas provas finais e eu acho que fui bem!

quarta-feira, 8 de junho de 2016

Estou bem

Nada de novo hoje. Mais um dia sem aula, mais um dia sem exercícios e mais um dia sem supervisão com poucas calorias.
Fui dormir às 7h da manhã (fui me deitar às 4h, mas fiquei muito ruim da rinite). Acordei já eram 14h. Fiquei na preguiça, quietinha no quarto, fuçando no celular de baixo da coberta e desencorajada por causa do frio. Só fui comer 17h da tarde, uma mini esfirra de queijo e chips de cenoura no forno que eu fiz com meia cenoura (sim, tem meia cenoura ai na foto, ela fica pequenininha mesmo). Só cortei ela de cumprido com o descascador e coloquei no forno em cima de um papel manteiga. Sem sal, sem azeite, sem nada. Acho que tirei um pouco antes do ponto, mas cenoura já é crocante, ficou uma delícia! Mesmo pura. Ofereci para a amiga da minha irmã provar, já que ela me viu fazendo, e ela gostou também. #DicaDaLety para um snack saudável haha
Depois comi 2 jujubas.
116 kcal hoje.

Aqui temos um prato que metade dele é saudável e a outra metade não deveria estar de jeito nem um na minha dieta haha

Amanhã vou me pesar na faculdade, não sei o que esperar e não sei a meta que me coloco para essa semana, só estou me deixando ir. Essa é a minha penúltima semana de aula e nas férias vou parar de radicalizar. Tenho até um fondue de queijo e chocolate marcado com os amigos.

Sinto que estou chegando perto do fim com a minha relação complicada com a comida. Olho para o espelho e gosto do que vejo. Queria ficar com a barriga que eu fico quando eu seguro o ar, mas do jeito que eu estou não está ruim também. Quando durmo de lado os ossos do joelho chegam até a machucar, tenho que me acostumar ou procurar uma nova forma de dormir. O que me falta agora é exercício para tirar a flacidez e umas gordurinhas. Há chances da minha mãe me pagar academia no próximo semestre.

Fiquei por uns minutinhos com espasmo ocular hoje, e amanhã é a primeira das minhas provas finais. Semestre passado fiquei com espasmo a semana inteira das provas finais. Espero que dessa vez tenha parado por ai.

terça-feira, 7 de junho de 2016

Quando os gatos saem, os ratos fazem a festa

Por que esse título para o post? Bem, minha irmã continua em casa com a minha mãe porque está doente, e estou estou tirando proveito disso para baixar as calorias ao máximo, sem ninguém para me dar sermão!
Comi 1/4 de  maçã de café da manhã e outro no almoço e jantei uma mini esfirra de queijo. 86kcal!
Não tive que ir para a faculdade hoje e acabei ficando o dia inteiro trancada no meu quarto e na cama, comi mais nos outros dias, mas gastava mais do que comia em caminhadas indo e voltando da faculdade, hoje não gastei nada :(

E, para aquelas que precisam de motivação, eu preciso confessar uma coisa. Já pensei em desistir, em jogar tudo fora porque não era possível emagrecer. E não foi uma vez, penso nisso quase que uma vez por semana. Quando estava empacada todo esse tempo nos 65kg eu cheguei a pensar que esse era o meu peso minimo natural e que nunca iria passar disso, só tinha que aceitar. Ai me lembro que eu mesma escrevi aqui que podemos ter o corpo que quisermos, só precisamos merecer isso. Não acho bonito e nem gosto daquelas garotas esqueléticas, não quero ficar assim, Deus me livre! Mas eu penso nelas. Aquele não é o corpo natural delas, nem de ninguém, mas elas alcançaram aquilo. Eu posso alcançar o corpo que eu quero também!
Sou controlada e estou perdendo peso, mas não pensem que é fácil para mim, tenho minhas épocas de ficar empacada, os pensamentos de desistir de tudo e duvido da minha capacidade. Quando vocês estiverem em um desses momentos, têm que ser mais fortes do que ele. Vocês podem sim! Só que a única regra para chegar até lá é não desistir. Só não vai a lugar nem um quem fica parado, fora isso, você pode andar em qualquer direção e no ritmo que quiser, em algum lugar irá chegar.

E, para encerrar, queria comentar que estou super animada com a ideia dos brigadeiros, espero que dê certo, tenho que colocar na minha cabeça que ninguém vai me desmotivar e que meu sucesso só depende de mim mesma. Por que estou falando isso? Comentei com a minha mãe que já queria começar a vender nas férias no nosso condomínio e ela me disse que ninguém iria comprar. Me desmotivei na hora, já nem na faculdade estava com vontade de vender mais (meus pais têm um histórico bem grande de duvidarem de mim e me desmotivarem). Depois comentei isso com a minha irmã e ela me disse para tentar. O máximo que pode acontecer é não vender e eu dar para a minha família comer. E ela está certa. Depois disso minha empolgação voltou, mas vai ser um desafio para mim manter essa confiança e ignorar os comentários pessimistas. Ontem fui dormir mais de 4h da manhã porque meu cérebro não parava de funcionar, sou mais criativa de madrugada hahaha Já pensei em no ano que vem começar a vender um brigadeiro especial a cada mês com o tema do signo do mês, já que isso está na moda. Sem deixar o bom humor de lado e fazendo várias "piadinhas". E, claro, com sabores que eu estou criando, totalmente novos e exclusivos.
Ex: Câncer, é o signo da família, são bem carentes, melosos. Cheguei nessa palavra e já pensei em fazer um brigadeiro no potinho com coisas melosas, um brigadeiro de caramelo com marshmallow em cima e um chiclete no fundo, para a pessoa mascar depois de comer.
Leão, são resumidamente metidos hahaha então farei um brigadeiro de bolacha passatempo com o tema "a última bolacha do pacote", e no fundo vai ter pedaço da bolacha passatempo.
Só para citar algumas das ideias, porque já pensei em quase todos os signos!

Jurava que esse post ia ser minusculo, me perdoem hsuashuahsa

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Meta dada é meta cumprida, 63kg

Comi o mesmo café da manhã e usei a mesma roupa da semana passada para me pesar hoje na faculdade (no mesmo horário). Na hora que estava caminhando para a balança, apesar de não ter arrependimentos do cardápio da semana, me veio na mente tudo o que eu comi nos últimos dia haha
Mas, apesar da preocupação, o resultado foi o esperado. 63,6kg. Costumo me pesar em casa, de pijama ou só com camiseta, depois de acordar, só que como sabia que não ia voltar para casa nesse final de semana, segunda passada já me pesei na faculdade e, com roupas pesadas, deu quase 1kg a mais. Ou seja, estou com os 63kg que eu queria!! (mais um cadeadinho destrancado *-* sim, eu só conto como 63kg quando estou com 63,0kg, mais do que isso considero 64kg haha) Tenho uma semana e meia de aula ainda, se continuar nesse ritmo posso entrar de férias com os 60kg, como eu já tinha planejado desde o começo do ano, quando estava lá nos 80kg ainda. Mas minhas aulas acabam no período do mês que eu engordo/paro de emagrecer, então não vou contando muito com isso. Deveria trocar meus jeans por um 40 com 60kg, mas não estou sentindo o 42 largo ainda :(

Vou contar rapidinho como foi meu final de semana. Mamãe teve um encontro e dormiu aqui em sp comigo. Sábado fomos almoçar junto no self-service, para fazer bonito na frente dela e não ficar ouvindo, comi camarão (tinha quase nada de um molho lá, não sei o que era), feijão e salada.
Tirei a foto bem discretamente para não esquecer de anotar nada no MyFitnessPal depois.
Ela até elogiou meu prato, disse que gostou de como eu estava comendo. Mas não se enganem, um pouco antes disso teve o sermão de sempre sobre eu precisar comer, estar ficando doente etc. E quando estávamos na mesa ela pediu para eu olhar nos olhos dela e jurar que não sentia tontura. Menti mesmo, falei que não. Sorte que logo minha irmã já se intrometeu com outro assunto. Sorte também que almocei com a minha mãe, fazendo trabalho mais tarde minhas amigas tinham comido e se entupiram de delivery do Habbib's. Como sempre, só fiz companhia na mesa. 
Pedi comida de noite, um lanche natura (pão integral, pate de atum, cenoura, tomate e alface - pedi para tirar o queijo), comi metade. Fiquei com fome mais tarde e comi 1/4 de maçã, já que no dia tinha consumido menos calorias do que eu estava esperando. 227 kcal no sábado.

Domingo almocei o resto do lanche. De tarde fazendo trabalho de novo não comi nada. Quando voltei, mamãe estava aqui de novo, já que tinha compromisso aqui perto. Fomos na padaria jantar. Fui olhar os caldos e não tinha nada muito apetitoso. Mas a carne louca que fica perto da porta de entrada me atraiu e muito. AMO carne louca. Achei que estava indo bem e me permiti comer. Jantei um pão francês com gergelim e carne louca. No caixa, vi um saco de jujubas. Fiquei com vontade de jujuba essa semana, comprei. Comi três, até pedi para a minha mãe levar o resto para ela, mas ela não quis. Coloquei tudo em um pote com as informações nutricionais recortadas. Mais uma para a minha coleção de comida! 452 kcal no domingo. Dia especial para quem estava preocupada que eu estava comendo pouco haha

Hoje tive que comer 1/4 de maçã antes de ir para a faculdade (o ritual da pesagem, para dar certo, que eu comentei no início do post). Pensei que ia estar sozinha na hora do almoço, mas a amiga da minha irmã estava aqui. Ainda sim mantive o que eu tinha planejado para o dia e almocei um iogurte grego. Jantei isso também (irmã doente, foi embora com a minha mãe, ninguém para me vigiar). A amiga da minha irmã viu o que foi minhas refeições, espero que ela não suspeite de nada e nem comente com ninguém. Pelo menos não comentou comigo nada sobre o que eu estava comendo ou a quantidade, simplesmente foi fazer a comida dela. 119kcal hoje. #RumoAos60kg

sexta-feira, 3 de junho de 2016

"Se tem uma coisa que eu não tenho vergonha é pedir comida na cara dura."

E é isso que eu ouvi da amiga da minha irmã quando elas estavam conversando. Não preciso nem falar nada sobre isso, né? Então vamos para o que interessa.

O cardápio de hoje foi exatamente o mesmo de ontem. 1/4 maçã de café da manhã, 1/4 maçã de almoço e duas mini esfirras de carne na janta. Dormi de tarde e acordei já praticamente na hora da minha janta (seguindo dicas, não como depois das 18h), estava meio sonolenta e nem pensei direito, por isso comi as esfirras no automático. Estava sozinha em casa e poderia ter jantado outra coisa, algo menos calórico, um iogurte zero, talvez. 126kcal de novo.

Obrigada pelas dicas de todas sobre confidencialidade de nutricionista/psicólogo. Também achei um site que você pode fazer perguntas para psicólogos responderem e vi que minha mãe só ficará sabendo de alguma coisa caso eu corra risco de vida, o que eu acho que não é o caso. Então procurarei ajuda desses dois profissionais, talvez o psicólogo um pouco mais tarde.

Estou virando a garota que coleciona comida haha. Comprei os M&Ms aquele dia e agora estou quase comprando uma colomba pascal que tem no metrô. Mas não, não cairei de cara nisso tudo logo quando alcançar meu objetivo haha. Vou comer aos pouquinhos, só para matar a vontade mesmo, e ainda dividir com a família, claro. Isso faz sentido ou estou parecendo uma doida com essa coleção? hsauhsuahsuhs

Falando em doces, cansei de esperar uma oportunidade de emprego ou estágio. Minha irmã mais velha casa no começo do ano que vem, e já estamos na metade desse ano. Quero ter dinheiro para comprar o presente dela e também para ajudar no casamento, que sei que é uma data única e muito importante na vida dela, quero ver ela feliz. Eu adoro fazer doces, especialmente brigadeiros. Já estava pensando há muito tempo em começar a vender brigadeiros na faculdade, mas desanimei vendo a quantidade de coisas que já vendem lá, inclusive brigadeiros gourmet mais bonitos que os meus (e também foi no início da Ana, minha autoestima, confiança e vontade de qualquer coisa estava lá em baixo). Só que me inscrevi em um curso online grátis de brigadeiro que aconteceu esses dias e isso me deu ideias. A professora do curso falou que o que garante seu sucesso é sua criatividade. Então dane-se que meus brigadeiros enrolados não ficam muito bonitos, vou fazer no potinho mesmo, mas com sabores diferentes, a maioria inventados por mim mesma. Esse vai ser meu diferencial e estou confiante, acho que vai dar certo! Semana que vem já vou na 25 comprar o que eu preciso, e vou começar a vender nas férias, no meu condomínio mesmo. Vou começar com os sabores Brownie e Cookies N Cream, nunca vi brigadeiros desses sabores, espero que isso chame a atenção das pessoas. Me desejem sorte haha. Estou cheia de ideias! Vou investir uns 100 reais (talvez menos, espero) e seja o que Deus quiser. Também me arriscarei fazendo macarons com formatos bonitinhos nessas férias. Serão 2 meses, vou ter bastante tempo livre haha.

quinta-feira, 2 de junho de 2016

Adeus 65kg para sempre

Dei uma pequena desaparecida por um dia e, como já devem imaginar, foi por conta dos meus trabalhos. Acordei 7h, fui para o skype fazer trabalho, de tarde fui para a casa de uma amiga continuar e de noite voltei para encerrar falando com elas pela internet de novo. Terminamos 3 horas da manhã. Isso me fez dormir a tarde inteira hoje. Não tive tempo para nada, e tenho que escrever rapidinho aqui para começar a ler um livro para uma prova, mas assim que for tendo tempo e fazendo uma pausa apareço nos blogs de vocês.

Ontem, de novo, comi 1/4 de maça quando acordei. Por não ter dormido muito (tinha ido dormir 2 horas da manhã por causa desse trabalho também), estava morrendo, e comer pouco não estava ajudando, meus olhos estavam muito pesados e estava tonta, sem conseguir pensar tão bem, não queria isso prejudicando o trabalho. Comi uma esfirra de carne no almoço. Fui tomar banho, mas estava com uma sensação ruim de tontura e fraqueza. Sai do banho e comi outra esfirra. De tarde já estava melhor, fui para casa de uma amiga, por isso passei a tarde sem comer nada. Ela pegou um pacote de bolacha wafer do Toddy (AMO) e claro que eu não comi nem um pedaço. Não vou mentir, pensei em comer só meia bolacha ou algo assim, mas logo pensava "você não está comendo nem comida direito por causa das calorias e vai comer isso?". Acho que ela comeu quase todo o pacote, fico horrorizada como as pessoas consomem um zilhão de calorias sem sequer pensar sobre isso. Comi minha panqueca light de atum quando cheguei. 204 kcal. Foi mais do que os dias anteriores, mas eu não estava me sentindo bem, esse era o único jeito.

Mais uma vez 1/4 de maçã foi meu café da manhã, e hoje foi meu almoço também. Nada de tarde por motivos de dormi. Comi duas esfirras de janta. 126 kcal. Detalhe, assim que tirei as esfirras do microondas a amiga da minha irmã chegou, passou perto de onde eu estava e falou "essa sua panqueca tem um cheiro tão bom, estou quase comendo". Gente, nem panqueca era. Não sei como a pessoa consegue ser tão folgada e cara de pau assim. E notem que ela nem me pediu permissão, simplesmente falou que ia comer. Posso ser o que for, mas nunca serei folgada assim, tenho o mínimo de educação. Nem respondi isso, deixei ela falando sozinha, estou sem paciência com ela.

Me pesei na faculdade hoje, tentei usar as mesmas roupas de segunda. 64,2kcal. Segunda tinha sido 65,7kcal. Sei que esse não é meu peso real por causa das minhas roupas (jeans, moletom e tênis, sem contar o celular no bolso), mas já da para ter uma noção, agora sei que desde segunda já perdi 1,5kg. Meu peso real deve estar em 63,5kcal agora. Desculpa se estiver soando confusa hahahah Sinto que dessa vez não voltarei para os malditos 65kg que não queriam me deixar. Se eu me manter nessa minha dieta, claro.
Queria chegar aos 63kg até domingo, acho que consigo! Talvez até termine mesmo minhas aulas com 60kg, como meu plano original. Se bem que elas vão terminar bem na época do mês que meu peso fica estagnado.

Estou me sentindo doente e acho que minha aparência está assim também, tenho círculos escuros ao redor dos olhos, novamente, e meu cabelo de novo está caindo muito. Acho que meu corpo já tinha se acostumado as calorias de antes e, agora que eu diminui, está fazendo efeito de novo. Amanhã acho que minha mãe vem aqui, vou tentar passar maquiagem para ela não ficar falando muita coisa sobre a minha aparência.

Na minha dormida de tarde tive um sonho horrível onde eu estava com uma das minhas amigas e desmaiava (só que eu não notava que tinha desmaiado, ela que me falava depois). Também ficava com a visão muito embaçada, não conseguia ver nada e tinha que disfarçar perto das pessoas. Minha amiga, no sonho, acabou mais ou menos descobrindo meus hábitos, mas ela achava que eu estava usando remédios para emagrecer e ficava falando para eu parar enquanto eu tentava, em vão, convencer ela de que eu não estava usando remédio nem um. Ela chegou a falar que pararia de andar comigo caso eu não parasse.
Sei que muita coisa nisso seria impossível de acontecer de verdade, inclusive ela ameaçar parar de sair comigo, mas esse sonho me deixou pensando bastante e acho que revelou bastante coisas sobre mim e inseguranças que eu não tinha tão claras para mim mesma até agora.

Agora vou ir ler o meu livro, depois de mais um textão hahaha
Desculpa a ausência no blog de vocês, mas logo mais eu vou lá ver como vocês estão. Beijinhos.